DISCENTE: NATANAEL RODRIGUES DA SILVA

DATA: 19/12/2017

HORA: 09:00

LOCAL: Sala de Seminários 2 - Bloco 725 - DETI/CT/UFC

TÍTULO:

Classificadores de Padrões Randomizados para Detecção de Crises Epiléticas: Uma avaliação Crítica


PALAVRAS-CHAVES:

EEG, epilepsia, classificadores randomizados, rede ELM, rede RVFL, curvas ROC.


PÁGINAS: 120

GRANDE ÁREA: Engenharias

ÁREA: Engenharia Elétrica

RESUMO:

Nesta dissertação, avaliamos os desempenhos de classificadores de padrões randomizados na tarefa de detecção de crises epilépticas a partir de Sinais de EEG. Nosso objetivo é investigar se essa nova classe de métodos de aprendizado de máquinas apresenta desempenho superir aos obtidos por classificadores convencionais, tais como MLP e SVM, nesta complexa tarefa de reconhecimento de padrões. A motivação para o presente trabalho vem da constatação de que a recente onda de aplicações envolvendo classificadores randomizados tende a reportar somente resultados positivos, em que esta classe de modelos sempre alcança desempenho equivalente ou melhor do que classificadores não-lineares não randomizados. Uma avaliação abrangente de desempenho é realizada e os resultados corroboram fortemente nossa hipótese de que os classificadores randomizados não apresentam melhores que os classificadores não lineares convencionais bem treinados. Além disso, os desempenhos de classificadores randomizados são mais dependentes do método de extração de características utilizado do que os classificadores não randomizados avaliados.


MEMBROS DA BANCA: 
Presidente - 1664510 - GUILHERME DE ALENCAR BARRETO
Interno - 2316979 - MICHELA MULAS
Interno - 007.626.423-86 - PEDRO PEDROSA REBOUCAS FILHO - UFC


DISCENTE: ANTONIO FRANCISCO AGUIAR

DATA: 22/12/2017

HORA: 14:30

LOCAL: Sala de Seminários 2 - Bloco 725 - DETI/CT/UFC

TÍTULO:
ESTUDO DE PROPAGAÇÃO DE PLÁSMONS DE SUPERFÍCIE EM GRAFENO E REALIZAÇÃO DE PORTAS LÓGICAS ÓPTICAS

PALAVRAS-CHAVES:
Portas Lógicas.Grafeno. Nanofotônica. Plasmons

PÁGINAS: 49

GRANDE ÁREA: Engenharias

ÁREA: Engenharia Elétrica

RESUMO:
Este trabalho tem como objetivo o estudo de dispositivos baseados em grafeno com finalidade de obter portas lógicas. O modelo é baseado em nanofitas de grafeno imersas em substrato dielétrico, construído de forma que haja acoplamento de “surface plasmons polaritons” (SPPs) entre folhas de grafeno. Um dispositivo interferométrico foi proposto como função da condutividade das nanofitas de grafeno e das dimensões geométrica. Foi feito uma análise numérica do comportamento dos modos SPPs em relação a seu potencial químico, assim como uma varredura de parâmetros geométricos do dispositivo com a finalidade de se obter as configurações necessárias para realização das funções lógicas AND, OR e XOR para modulação OOK.

MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1669729 - JOAO BATISTA ROSA SILVA
Interno - 1764606 - HILMA HELENA MACEDO DE VASCONCELOS
Interno - 1547160 - RUBENS VIANA RAMOS
Externo à Instituição - JOSÉ WALLY MENDONÇA MENEZES - IFCE


DISCENTE: RAPHAEL BRAGA EVANGELISTA

DATA: 22/12/2017

HORA: 10:00

LOCAL: Sala de reuniões do GTEL, bloco 722, Campus do Pici, UFC

TÍTULO:

Capacity and interference analysis of LTE mobile network using licensed shared access concept


PALAVRAS-CHAVES:

Acesso Compartilhado Licenciado, Compartilhamento de Espectro, Acesso Dinâmico ao Espectro, Gerenciamento de Espectro, Long-Term Evolution, Redes Móveis, Taxa de transferência, Interferência.


PÁGINAS: 70

GRANDE ÁREA: Engenharias

ÁREA: Engenharia Elétrica

RESUMO:

O problema da "escassez" de espectro pode ser abordado promovendo o uso mais eficiente desse recurso. As técnicas de compartilhamento de espectro, por exemplo, TV White Spaces (TVWS) e Acess Compartilhado Licenciado (Licensed Shared Access, LSA), são boas soluções para esse problema e já existem esforços de regulação e padronização em todo o mundo. Este trabalho é focado no conceito de LSA e é apresentada uma visão geral desta abordagem de Acesso Dinâmico ao Espectro (Dynamic Spectrum Access, DSA). Também é sugerido um possível estudo de caso do emprego deste conceito para o desenvolvimento da indústria de mineração brasileira. Foi implementado um simulador de uma rede Long-Term Evolution (LTE) que emprega o conceito de LSA para obter uma adicional capacidade de rede. É realizada uma análise em termos de taxa de transferência dos usuários secundários e interferência dos usuários primários, como forma de trazer atenção e confiança no setor de Telecomunicações dos benefícios que esse conceito pode trazer consigo.


MEMBROS DA BANCA: 
Presidente - 1764652 - YURI CARVALHO BARBOSA SILVA
Interno - 1348324 - FRANCISCO RODRIGO PORTO CAVALCANTI
Externo ao Programa - 611.406.953-63 - CARLOS FILIPE MOREIRA E SILVA - UFC
Externo à Instituição - PAULO JORGE COELHO MARQUES - IT